Regina Duarte: Se a vacina não elimina proibições, “que diabos ela está fazendo?”

Regina Duarte: Se a vacina não elimina proibições, “que diabos ela está fazendo?”
Reprodução: Google

A atriz Regina Duarte resolveu se manifestar de forma polêmica ao levantar dúvidas sobre a vacina contra o novo coronavírus já disponível no Brasil, questionando o motivo pelo qual persistem no país medidas restritivas contra a pandemia, a exemplo das limitações ao funcionamento dos comércios.

“Isso (vacina) não elimina a necessidade de proibições de viagens. Não elimina a necessidade de fechar negócios. Não elimina a necessidade de fechamentos em geral. Não elimina a necessidade de uso de máscaras. Então… que diabos esta vacina está realmente fazendo?”, disparou Regina em sua rede social, segundo a Istoé.

A publicação rendeu críticas de alguns seguidores. Em uma das reações, um usuário apontou que a necessidade de restrições ainda continua porque a vacinação não ocorre ao mesmo tempo em toda a população.

De fato, embora o argumento reativo à publicação de Regina Duarte esteja logicamente correto, a crítica da atriz não parece dizer respeito ao momento atual, especificamente, mas sim aos rumores que já existem sobre a suposta necessidade de se manter algumas medidas restritivas, mesmo após a vacinação.

Em uma manchete da Abril, por exemplo, afirma-se que o “uso de máscara e outras medidas seguirão mesmo após vacina da Covid-19”. Em outra, publicada pela BBC Brasil, também é feita a mesma afirmação: a necessidade do uso de máscaras mesmo após a vacinação.

Neste sentido, a crítica de Regina Duarte parece ter fundamento, visto que a ideia coletiva sobre a vacinação diz respeito a não contaminação. Ou seja, uma vez vacinado, cada indivíduo estará imunizado, não havendo motivo para usar máscaras, por exemplo. Qualquer coisa além disso não é imunização, certo?

Dudu Camargo diz que Bolsonaro sofre perseguição e admite: “Sou perseguido igual”