Prefeito desliga iluminação das ruas para evitar aglomerações no interior de SP

São Paulo entrou no último sábado na fase vermelha de combate ao novo coronavírus, quando medidas restritivas se tornaram ainda mais rígidas. Todavia, em uma cidade do interior parece que o prefeito local resolveu ir além das ações já impostas em todo o estado, decidindo desligar até mesmo a iluminação das ruas.

A decisão foi tomada pelo prefeito de Guarani D’Oeste (SP), Nilson Timporin (PTB), e anunciada por ele mesmo em suas redes sociais através de um vídeo que repercutiu ao longo de todo o final de semana.

“Olá, população de Guarani D’Oeste. A nossa energia da rua será desligada às 20h30. Ela só será religada na segunda-feira. Obrigado a todos”, afirmou o prefeito.

Segundo o gestor de saúde da cidade, Edmilson Pires do Carmo, a ideia é para tentar conter o avanço da pandemia na cidade, muito embora o número de casos e mortes no local sejam pequenos. Até o momento são 157 casos confirmados de Covid-19, dos quais 141 estão recuperados e três pessoas vieram a óbito, informou o G1.

“É mais uma ação para tentar conter as aglomerações e a disseminação do coronavírus. Entramos na fase vermelha. Está tudo fechado, inclusive os comércios essenciais, como supermercados. Estão abertos somente postos de combustíveis e farmácias”, disse Edmilson.