Joice recebe menos de 2% dos votos em SP e sofre derrota amarga nas urnas

A deputada federal Joice Hasselmann tentou, mas não conseguiu chegar nem perto de um bom resultado na disputa pela Prefeitura de São Paulo. Em vez disso, a candidata amargou duros 1,84% de porcentagem, o que equivale a apenas 98.342 votos, segundo o G1.

O número chama atenção pela enorme diferença de apoio se comparado ao resultado da eleição de 2018, quando Joice conquistou 1.064.047 eleitores na disputa pelo Legislativo, ou seja, mais de 1 milhão de votos, o que lhe deu o cargo de deputada federal.

Os mesmos paulistas, dessa vez, dois anos depois, parecem ter dado um claro recado à parlamentar que em 2019 rompeu com o presidente Jair Bolsonaro e passou a fazer desde então uma campanha forte de oposição e críticas ao governo.

Além dos votos “nanicos” em se tratando do maior colégio eleitoral do Brasil, São Paulo, Joice também perdeu no uso do dinheiro para a campanha eleitoral no estado.

Em 2018, a então candidata gastou pouco mais de R$ 260 mil, enquanto que, agora em 2020, a deputada contou com R$ 6 milhões em doações dos diretórios nacional e estadual do PSL, segundo informações da Gaúcha ZH.

Em sua conta no Twitter, a deputada chegou a “estranhar” o atraso na apuração dos votos durante o domingo, confira: