Globo

Crise: Globo demite o diretor-geral da Globosat após 25 anos de trabalho na empresa

O diretor-geral Alberto Pecegueiro foi desligado da Globo após mais de duas décadas de trabalho

18/11/2019 18h44Atualizado há 4 semanas
Por: Opinião Crítica
Diretor-geral da Globosat (segundo da esquerda para direita) entrou na lista de demissões da Globo. Reprodução: Google
Diretor-geral da Globosat (segundo da esquerda para direita) entrou na lista de demissões da Globo. Reprodução: Google

A série de demissões na Rede Globo continua surpreendendo figuras de peso no quadro de profissionais da empresa desde a última semana. Desta vez o demitido foi o diretor-geral da Globosat, Alberto Pecegueiro, que deverá deixar seu cargo a partir de janeiro, após 25 anos de trabalho.

Ao que parece, para amenizar a repercussão negativa da fase que vem enfrentando, a emissora criou um projeto chamado "Uma Só Globo", que visa justificar às demissões pela união de empresas do Grupo Globo em uma só.

Outra estratégia aparentemente adotada pela emissora é anunciar a demissão como uma decisão pessoal dos profissionais.

É o que dá entender, por exemplo, o anúncio feito pelo presidente do Conselho de Administração da emissora, Roberto Irineu Marinho e o presidente-executivo, Jorge Nóbrega.

"Após 25 anos à frente da Globosat, construindo a maior programadora de TV por assinatura da América Latina, o diretor-geral Alberto Pecegueiro decidiu encerrar suas atividades executivas na empresa, em janeiro de 2020.", diz o texto, segundo informações de O Dia.

"A vida profissional de Alberto se confunde com a história da TV paga no Brasil. Todos os movimentos relevantes da indústria, desde o seu nascedouro, contaram com a sua participação e liderança. Pecegueiro implementou o nosso modelo de programação baseado em parcerias nacionais e internacionais.", completa o comunicado.

Ainda segundo a nota, Pecegueiro vai continuar ligado ao Grupo Globo como representante do grupo nos conselhos administrativos das "joint ventures" do qual faz parte.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Blogs e colunas
Últimas notícias
Mais lidas