[Vídeo] Homem ameaça Bolsonaro: “Vou em Brasília lhe mostrar que isso lhe mata”

O vídeo de um homem que faz ameaças ao presidente da República, Jair Bolsonaro, começou a circular nas redes sociais nesta terça-feira (21). Na gravação, ele mostra armas e faz ofensas contra o chefe do Executivo.

“Eu sou um ex-combatente do Exército. Eu tenho vergonha de você, seu ‘muleque’, e se a faca do ‘cara’ [Adélio Bispo?] não lhe matou, eu vou vender tudo o que eu tenho, mas eu vou em Brasília. Vou lhe mostrar que isso aqui [mostra faca] lhe mata ‘satanái'”, diz o homem.

Na sequência, o sujeito que se apresenta por um nome difícil de identificar por sua fala confusa, apresenta outras armas, incluindo uma supostamente de fogo. “Essa aqui lhe mata”, diz o homem mostrando o que parece ser uma arma antiga.

Em sua rede social, o filho do presidente, Carlos Bolsonaro, publicou o vídeo do sujeito pedindo a sua identificação. Na sequência, ele afirmou se tratar de um ex-candidato a vereador de Jandaíra/BA em 2004, 2008 e 2012, chamado José Reis.

O homem não faz menção direta a Bolsonaro, mas cita claramente o termo “presidente”, contextualizando também a sua fala neste sentido, levando a entender que realmente se refere ao chefe do Executivo. 

Ameaças contra Bolsonaro

Essa não é a primeira vez que Bolsonaro é ameaçado de morte explicitamente. Em 2019, um homem chamado Vinícius Guerrero, então presidente do Movimento Comunitário Trabalhista do PDT da capital do estado e São Paulo, afirmou que o presidente “tem que ser assassinado, ele e família“.

“Não tem mais condição de aceitar um bosta como Bolsonaro no poder. Esse cara tem que ser assassinado, ele e a família”, disse Guerrero na ocasião.