VÍDEO: Ex-vereador é morto a tiros por irmão de prefeito após denúncia em live

O ex-vereador Cássio Remis (PSDB) foi morto a tiros na tarde da quinta-feira (24) após ser atacado durante uma live, na cidade de Patrocínio, em Minas Gerais. O autor do crime, de acordo com a polícia, é Jorge Marra, irmão do prefeito e secretário de Obras do município.

Remis, que já foi presidente da Câmara de Vereadores de Patrocínio e era pré-candidato para as eleições de 2020, fazia uma transmissão ao vivo na qual denunciava que funcionários da prefeitura eram usados para fazer serviços particulares em frente a uma casa que seria o comitê de campanha do atual prefeito, Deiró Moreira Marra.

De acordo com informações da PM (Polícia Militar), Remis fazia a live na Avenida João Alves do Nascimento quando Jorge Marra chegou ao local em uma caminhonete, partiu para cima do pré-candidato e tomou o celular que fazia a transmissão.

O irmão do prefeito, então, seguiu até a Secretaria de Obras e Remis foi atrás. Na porta da secretaria, a vítima tentou pegar o celular de volta, mas Marra atirou pelo menos 6 vezes e fugiu do local. Após o crime, a Prefeitura informou que se pronunciará durante coletiva para a imprensa.

Marra é presidente do PTB de Patrocínio, enquanto Remis era o atual presidente do PSDB do município. Cassio Remis foi eleito em 2008 vereador e presidiu a Câmara no biênio 2013/2014. O político exerceu dois mandatos consecutivos de 2009 a 2012, e de 2013 a 2016.

Veja também: Irmão de Prefeito que matou candidato teria fugido com ajuda de ex-Prefeito

A polícia confirmou que Jorge Marra deixou a cidade em uma caminhonete Hillux e comunicou os aeroportos da região sobre a possibilidade de fuga do suspeito, o qual até o momento não foi encontrado. Fontes: Yahoo e R7. Veja o momento da abordagem abaixo:

Irmão de Prefeito que matou candidato teria fugido com ajuda de ex-Prefeito