[Opinião] Essa história do Carrefour é o velho bode expiatório de René Girard

Prisão para todos os envolvidos no vandalismo da Carrefour! Esta história do Carrefour é o velho bode expiatório de René Girard: criar um estopim a partir do despreparo homicida de um segurança e culpar a empresa a fim de praticar caos, anarquia.

Já sabemos onde isso vai parar! O que se faz quando um segurança mata uma pessoa? Ele é demitido e sumariamente preso, a empresa responderá judicialmente. Mas a solução dos movimentos progressistas impulsionados por cabeças da esquerda é: ignorem a ordem, as leis, ‘quebrem tudo, roubem tudo’.

As empresas brasileiras devem pedir uma audiência especial com o Presidente Bolsonaro e o Ministro da Justiça para medidas de segurança das tais. Caso contrário vai acontecer as mesmas situações dos Estados Unidos. Empresas funcionando com medo do terror, clientes com medo de ir comprar? Será a diminuição da oferta e demanda. Consequência: Desemprego!

Quantas pessoas podem ser demitidas no Carrefour por causa desta loucura febril? Este povo que participou deste vandalismo tem que ser preso, cada pessoa identificada e jogada na prisão! Os cabeças da esquerda identificados, processados e desmoralizados diante do público brasileiro.

Possível “chapa da lacração” com Moro e Huck já seria um desastre antecipado