Carlos Alberto detona a Globo por demissões de veteranos: “Fazendo um crime”

A Rede Globo vem passando por uma onda de demissões, onde nem mesmo figuras veteranas como Renato Aragão, Antônio Fagundez e Tarcício Meira foram poupadas, o que despertou a ira do apresentador Carlos Alberto de Nóbrega, do SBT.

Carlos Alberto criticou a demissão dos veteranos da Globo, alegando que a emissora comete um “crime” por não renovar o contrato de pessoas ligadas à própria história, ou seja, que ajudaram a empresa a se tornar uma das maiores do mundo.

“O Marcelo, meu filho, estava preocupado com nosso contrato, que acabaria dia 31 de dezembro”, disse ele ao lembrar do tratamento que recebe do SBT, comparando com o recebido pelos atores da Globo, segundo a Band.

“Um dia liguei para um diretor e pedi para almoçarmos. Quando perguntei do contrato, ele disse: ‘Mas já foi renovado em agosto, termina em março e ainda tem uma cláusula sobre uma nova renovação’. Isso é carinho. Não há dinheiro que pague”, afirmou o apresentador da Praça é Nossa.

Na sequência, Carlos Alberto disparou contra a emissora da família Marinho ao se referir às demissões em massa: “Agora, veja… a Globo está detonando, fazendo um crime com o Tarcísio Meira e a Glória Menezes. Ele foi praticamente um investidor da Globo”, afirmou. Veja também:

Globo demite Renato Aragão após 44 anos de trabalhos prestados à emissora