Bolsonaro critica uso da sua imagem por candidato de Curitiba: “Inimigo declarado”

Sem citar nomes, mas se referindo a um candidato à Prefeitura de Curitiba, o presidente Jair Bolsonaro mandou uma indireta contra o uso indevido da sua imagem durante o período eleitoral, especificamente contra os “inimigos declarados”.

“Alguns, inclusive, inimigos declarados meu, usando minha fotografia, como um candidato a prefeito lá em Curitiba fazendo isso aí… é inimigo declarado e agora, depois que é candidato está usando a minha foto”, afirmou o presidente na manhã de hoje.

O presidente deu a entender que o problema não é o uso da sua imagem, mas sim a utilização dela por candidatos que deixaram de apoiar o seu governo. Na disputa em Curitiba, apenas a candidata Marisa Lobo (Avante) tem sido vista como uma “bolsonarista raiz” devido ao seu apoio histórico à figura de Bolsonaro.

Mesmo sem citar nomes, portanto, Bolsonaro parece indicar preferência silenciosa à “Marisa Lobo“. A crítica feita ao “inimigo declarado”, ou seja, figura masculina, pelo uso indevido da sua imagem, sem dúvida deverá afetar o apoio dos bolsonaristas curitibanos aos demais candidatos. Assista a fala do presidente abaixo: