Ironizando a imprensa, Bolsonaro faz live com leite condensado e desodorante avanço

Durante a última live do presidente Jair Bolsonaro nas redes sociais uma coisa chamou atenção dos seguidores: a presença de uma lata de leite condensado e um desodorante avanço. Na ocasião, além de algumas piadas, o chefe do Executivo rebateu especulações da grande mídia sobre o tema.

Esta semana o portal Metrópoles divulgou uma lista dos gastos do Governo Federal com alguns itens de alimentação, mas para toda a esfera federal, o que inclui Forças Armadas, universidades e hospitais federais, ou seja, todo o Executivo.

“Os valores do pagamento [por produto] não estão especificados em cada item. Só fazem referencia à nota fiscal. Quando a repórter buscou os valores pagos, eles estavam distribuídos em todos os itens que constavam no empenho”, disse o ministro Wagner Rosário, da Controladoria Geral da União.

Após o episódio viralizar como a história de que o governo teria superfaturado o “leite condensado”, o portal UOL fez um levantamento mais detalhado do assunto e concluiu que na verdade os gastos do Planalto com alimentação caíram em 2020, apontando assim informação tendenciosa por parte do Metrópoles.