Ex-aliada, Joice protocola pedido de impeachment de Bolsonaro na Câmara

A deputada federal e líder do PSL na Câmara dos Deputados, Joice Hassellmann, protocolou um pedido de impeachment do presidente da República, Jair Bolsonaro, na noite desta sexta-feira (24), após acusações feitas contra ele pelo ex-ministro Sérgio Moro.

No documento, o partido alega que Bolsonaro teria cometido crime de falsidade ideológica na informação publicada no Diário Oficial da União sobre a exoneração “a pedido” do ex-diretor-geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo.

O então ministro da Justiça, Sergio Moro, negou que a saída de Valeixo ocorreu por vontade própria. Além disso, o ex-juiz da Lava Jato também afirmou que não assinou a exoneração do ex-diretor-geral da PF.

O PSL também argumenta que houve “notória tentativa de intervenção de Bolsonaro na Polícia Federal, valendo-se das prerrogativas de Chefe de Estado, com o fim de obter informações sensíveis e privilegiadas de uma instituição cuja independência deve ser pilar do Estado Democrático de Direito, havendo, inclusive, a tentativa de interferir em investigações correntes”, segundo o UOL.

Abaixo, segue a publicação feita por Bolsonaro mais cedo.