Brasil teve apenas 5 invasões de terra no primeiro ano do governo Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro fez uma publicação nesta quarta-feira (11) destacando a queda brusca do número de invasões de terra no Brasil durante o seu primeiro ano de governo, comparado aos anteriores. Os números são realmente impressionantes.

Apenas no primeiro ano do governo Lula, em 2003, foram 222 invasões, subindo para 298 em 2007. Na gestão de Fernando Henrique Cardoso, em 1999, foram 502 invasões, enquanto no governo Dilma, em 2015, foram 182. Já no governo Bolsonaro em 2019 foram apenas 5 invasões!

“Invasões de propriedades rurais pelo MST no 1° ano de cada Presidente: FHC/1995: 145; FHC/1999: 502; Lula/2003: 222; Lula/2007: 298; Dilma/2011: 200; Dilma/2015: 182; BOLSONARO/2019: 5″, escreveu o presidente em sua rede social.

“A propriedade privada é SAGRADA. O Estado tem o dever de preservá-la”, destacou Bolsonaro. A queda dos números de invasões é resultado da política de enfrentamento implementada pelo governo, o qual anunciou recentemente o uso até do Exército para a reintegração de posse, se necessário.

“O cara invade a fazenda, queima o gado, depreda patrimônio, mata animais e fica por isso mesmo”, disse Bolsonaro ao comentar que o governo prepara um projeto de lei para permitir operações de Garantia da Lei e da Ordem (GLO) em reintegrações de posse na área rural.