Bolsonaro pede para apoiadores reagirem nas urnas: “Vai ser difícil para eles”

O presidente Jair Bolsonaro se encontrou com um grupo de manifestantes na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, na ocasião em que saiu para assistir ao hasteamento da Bandeira Nacional no último domingo.

Diagnosticado com o novo coronavírus, o presidente se manteve distante dos manifestantes, os quais ficaram impossibilitados de se aproximar por causa de um canal. Bolsonaro então falou ao grupo, mostrando otimismo em relação ao futuro do Brasil.

“O Brasil está mudando. Demos azar com essa pandemia, mas vamos sair dessa”, disse ele aos apoiadores. “Temos uma excelente equipe de ministros, a começar pelo da Saúde (…) Aos poucos estamos construído o futuro do Brasil.”

Ainda segundo o presidente, a situação estaria favorável ao seu governo no Congresso, mas ao falar das próximas eleições, Bolsonaro lembrou que é preciso haver renovação, o que deverá ser feito através do voto.

“No momento eu digo, estou com um bom relacionamento com o Parlamento, mas a renovação é natural”, destacou. “A gente acredita em vocês, que estão aqui de coração. Fazem movimentos democráticos para melhorar que o voto é de vocês. Em 2018 vai valer até 2022. Trocar, troquem nas urnas. Vai ser difícil para eles”.