Após exames em Brasília, Bolsonaro revela que pode estar com câncer de pele

O presidente Jair Bolsonaro passou, na tarde desta quarta-feira, por um procedimento dermatológico no Hospital da Força Aérea. De acordo com ele, está sendo investigado um possível câncer de pele.

Foi realizada uma cauterização de sinais na região próxima à orelha. Os sinais estariam trazendo preocupação, mas, segundo avaliação médica, não seriam “nada de mais”, relatou um integrante do governo ao GLOBO.

Bolsonaro deixou o Palácio do Planalto às 16h10 rumo ao Hospital da Base Aérea. Em junho, o presidente já havia passado por consulta com dermatologista no mesmo hospital.

A Secretaria de Comunicação informou a ida ao médico se tratava apenas de uma consulta de rotina. Bolsonaro deixou o hospital às 17h25 e seguiu para o Palácio do Alvorada. Lá, comentou a possibilidade do câncer de pele.

“Tenho pele clara, pesquei muito na minha vida, fiz muita atividade. Então, a possibilidade de câncer de pele existe”, disse Bolsonaro.

De acordo com a avaliação médica, embora preocupantes, os sinais não seriam “nada demais”, segundo o relato de um integrante ao jornal.