Alexandre Frota é denunciado por falsidade ideológica pelo Ministério Público de SP

O Ministério Público de São Paulo denunciou o deputado Alexandre Frota (PSDB-SP), um dos principais críticos do presidente Jair Bolsonaro desde a ruptura com o governo, no ano passado, por falsidade ideológica.

Segundo o Ministério Público, Frota teria usado um ex-assessor parlamentar como laranja em duas empresas. Marcelo Mendroni, promotor que analisa o caso, acredita que o ex-ator pornô usou o nome de Marcelo Ricardo Silva para receber valores de forma ocultada.

Segundo O Antagonista, às empresas DP Publicidade Propaganda e Eventos Ltda. e a F.R. Publicidade e Atividades Artísticas e de Espetáculos Ltda. “sempre funcionaram como empresas de fachada”.