Trump detona a China: “O mundo está pagando um preço alto pelo que eles fizeram”

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse na quinta-feira que o mundo está pagando “um preço alto” pela lentidão com que a China transmitiu inicialmente as informações sobre o novo coronavírus.

“Tudo teria corrido melhor se tivéssemos sabido tudo isto alguns meses mais cedo, teria sido contido na região da China onde começou”, disse Trump, voltando a usar a controversa expressão “vírus chinês” para designar o Covid-19.

“O mundo está pagando um preço alto pelo que eles fizeram”, acrescentou o presidente americano. A declaração foi dada durante uma conferência de imprensa na Casa Branca, ocasião em que também defendeu o presidente Jair Bolsonaro, lhe apontando como “aliado número um“.

O novo coronavírus, na origem da pandemia de Covid-19, foi detetado pela primeira vez em Wuhan, na China. As autoridades chinesas foram criticadas por falta de transparência no início do surto e reação lenta na adoção de medidas para evitar a propagação do vírus.

Numa segunda fase, Pequim adotou medidas drásticas de isolamento e registou uma clara diminuição dos contágios, ao mesmo tempo que o Covid-19 se propagava fora do país. Esta quinta-feira, pela primeira vez desde o início do surto, as autoridades chinesas não reportaram nenhum novo caso de contaminação de origem local.