O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) usou a sua rede social para se posicionar sobre a escolha da Natura de convidar a transexual Thammy Miranda para a sua próxima campanha do Dia dos Pais.

O parlamentar destacou para ele há uma diferença entre ideologia e ciência, argumentando que a ex-modelo é e continuará sendo do sexo feminino, ainda que tenha feito procedimentos estéticos para se adequar ao masculino.

“A questão é simples. Thammy nasceu menina, cada célula dela tem cromossomos XX – e nenhuma cirurgia muda isso. Nesta condição ela só poderia engravidar, logo, ser mãe”, afirmou o parlamentar.

“Uma ideologia não pode estar acima da ciência. E pior, querer me obrigar a aceitar isso”, completou. A publicação de Eduardo foi acompanhada por uma foto de Thammy Miranda com o filho, sua mãe e a sua companheira.

Desde o último final de semana a empresa de cosméticos Natura provocou uma reação massiva na internet pelo fato de ter escolhido uma transexual para celebrar o Dia dos Pais. Internautas levantaram uma campanha de boicote aos produtos da empresa, enquanto outros, como o youtuber Felipe Neto, disseram apoiar a iniciativa.