STF

Sobre o STF: "impeachment é o único instrumento para conter essa sede de poder"

"Só o Amapá pode mostrar a Davi Alcolumbre o seu papel neste momento", diz Janaína Paschoal

18/11/2019 13h56
Por: Will R. Filho
Só o Amapá pode mostrar a Davi Alcolumbre o seu papel neste momento
Só o Amapá pode mostrar a Davi Alcolumbre o seu papel neste momento", diz Janaína. Reprodução: Google

A deputada e professora de Direito Janaína Paschoal está se demonstrando indignada com a atuação de alguns ministros do Supremo Tribunal Federal, como o presidente da Corte, Dias Toffoli, e o ministro Gilmar Mendes, alvo das manifestações no domingo passado (17).

Nesta segunda, a advogada do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff voltou a defender o uso do mesmo recurso, mas dessa vez contra os magistrados.

"O impeachment é o único instrumento que temos para conter essa sede de poder. Toda autoridade deve se submeter às leis e à Constituição Federal. O Brasil nas mãos do Amapá!", escreveu Janaína nas redes sociais.

Paschoal cita o Amapá por ser o estado responsável pela eleição do senador David Alcolumbre, presidente do Senado. É dele a responsabilidade de acatar o pedido de impeachment dos ministros do STF, algo que até então não foi feito, apesar de já haver pedidos em andamento.

Um dos pedidos de impeachment de Dias Toffoli, por exemplo, foi assinado pela própria Janaína Paschoal e pelo jurista Modesto Carvalhosa, também professor de Direito aposentado.

"O Brasil precisa do Amapá! Só o Amapá pode mostrar a Davi Alcolumbre o seu papel neste momento. Brasileiros do Amapá, apoiem o pedido de impeachment do Presidente do STF! O Senador Alcolumbre só precisa receber a denúncia, para o Senado poder atuar.", destacou Janaína.

Nas redes sociais, internautas pedem a população para entrar em contato direto com o senador Alcolumbre, a fim de pressioná-lo pela aceitação do pedido de impeachment. Os dados são públicos e seguem abaixo:

Telefones: (61)3303-6717 (61)3303-6720, Email: [email protected]

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Blogs e colunas
Últimas notícias
Mais lidas