Bolsonaro

Bolsonaro não vai à posse do presidente argentino: "Não pretendo parabenizá-lo"

"Vamos esperar o tempo para ver qual a posição real dele na política", disse Bolsonaro

01/11/2019 15h30
Por: Opinião Crítica
Reprodução: Google
Reprodução: Google

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) afirmou nesta sexta-feira (1) que não irá à posse de Alberto Fernández, eleito presidente da Argentina no domingo, mas negou qualquer retaliação de seu governo ao país vizinho.

"Torci pelo outro [Maurício Macri], né? Já que [Fernández] ganhou, vamos em frente. Não tem qualquer retaliação da minha parte. Da minha parte não tem qualquer retaliação neste sentido, e espero que eles continuem fazendo uma política conosco semelhante ao que o Macri fez até momento", disse o presidente.

Questionado se iria à posse de Fernández, Bolsonaro respondeu de forma taxativa: “Não vou”, arrancando aplausos de apoiadores que o esperavam na porta da residência oficial da Presidência. Fernández foi eleito tendo como vice-presidente a ex-presidente Cristina Kirchner, que responde a vários processos na Justiça por suspeita de corrupção.

Já quando estava em viagem ao Oriente Médio, Bolsonaro disse que não cumprimentaria o candidato peronista, responsável por ela derrota de Maurício Macri, que era aliado do governo brasileiro.

"Não pretendo parabenizá-lo. Agora não vamos nos indispor. Vamos esperar o tempo para ver qual a posição real dele na política. Porque ele vai assumir, vai tomar pé do que está acontecendo, e vamos ver qual linha que ele vai adotar", afirmou na segunda (28), segundo a Folhapress.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Blogs e colunas
Últimas notícias
Mais lidas