Sérgio Moro

Moro nega futura disputa contra Bolsonaro: "Eu tenho o dever de lealdade"

"Certamente, jamais concorreria contra o presidente Bolsonaro", declarou o ministro da Justiça

21/10/2019 16h11
Por: Will R. Filho
"Certamente, jamais concorreria contra o presidente Bolsonaro", declarou o ministro da Justiça. Reprodução: Google

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, foi o entrevistado da vez no programa Poder em Foco, transmitido pelo SBT na noite do último domingo (20), onde respondeu a questionamentos sobre sua possível candidatura à presidência da República.

Na ocasião, no entanto, Sérgio Moro citou o presidente Jair Bolsonaro como prioridade na próxima eleição, a quem deve fidelidade. "O presidente manifestou o desejo de buscar a reeleição e, evidentemente, como parte do governo eu tenho o dever de lealdade", disse o ministro.

"E eu não tenho esse perfil político-partidário. As pessoas fazem uma série de especulações, mas, na minha avaliação, eu tenho um perfil mais técnico. Não de juiz. Vamos admitir, eu estou fora da carreira. Mas eu tento realizar aqui um trabalho numa área em que eu tenho, humildemente, algum conhecimento", frisou o ministro.

Entretanto, Sérgio Moro não descartou completamente a possibilidade de entrar na política. Assim como já fez em outras entrevistas, o ministro deixou "no ar" tal hipótese ao ser questionado sobre um cenário de disputa sem a presença de Bolsonaro.

"Acho improvável, mas o futuro é distante. Mas, certamente, jamais concorreria contra o presidente Bolsonaro", disse ele. Assista abaixo:

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Blogs e colunas
Últimas notícias
Mais lidas