Eduardo Bolsonaro

Brasil vai sediar "o maior evento conservador do mundo", diz Eduardo Bolsonaro

O evento é realizado desde 1973 nos Estados Unidos e já contou com a presença de figuras como Ronald Reagan e Donald Trump

15/08/2019 08h43
Por: Will R. Filho
Além de colocar o Brasil no cenário mundial como um país conservador, o evento pode abrir portas de emprego e investimento devido a sua magnitude
Além de colocar o Brasil no cenário mundial como um país conservador, o evento pode abrir portas de emprego e investimento devido a sua magnitude

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) anunciou que São Paulo sediará a 1ª edição brasileira do CPAC (Conferência de Ação Política Conservadora, na tradução literal) entre os dias 11 e 12 de outubro de 2019.

O parlamentar, cotado para assumir a embaixada do Brasil nos Estados Unidos, afirmou na quarta-feira (14) através da sua conta oficial no Twitter que "nomes como Ronald Reagan e Donald Trump já participaram do CPAC. Agora o maior evento conservador do mundo vem para o Brasil".

Eduardo ainda destacou que ficou meses trabalhando para trazer o evento para o Brasil. O CPAC tem mais de 40 anos de tradição nos Estados Unidos. Desde 1973, a conferência já recebeu centenas de nomes da direita mundial e também já esteve no Japão, além de estar agendado para à Austrália.

Eduardo também publicou um vídeo publicitário anunciado a conferência, onde aparecem imagens do Brasil, especificamente do Rio de Janeiro, intercaladas com cenas de edições anteriores do evento. Confira abaixo:

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Blogs e colunas
Últimas notícias
Mais lidas