Psicologia

Psicólogos encontram Damares para reunião do movimento de ex-gays do Brasil

O grupo é composto por psicólogos que defendem a possibilidade de pessoas se declararem ex-gays

06/08/2019 16h59Atualizado há 3 meses
Por: Will R. Filho

A psicologia brasileira não está em seu todo aparelhada ideologicamente, pois há profissionais que acreditam na permanente mutabilidade do comportamento humano, o que inclui também a orientação sexual, como advogam algumas das principais correntes teóricas da psicologia, como a Abordagem Centrada na Pessoa, a qual tem na autonomia do indivíduo em poder se "autodeterminar" o seu norte de atuação.

Com base nisso, um grupo de psicólogos composto por representantes do Movimento Psicólogos em Ação (MPA) esteve com a ministra da Mulher, Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, participando de uma reunião com o Movimento de Ex-gays do Brasil (MEGB). 

Entre os profissionais estiveram Rozangela Justino, Deuza Avellar, Eliane Jardim e Wanda Ferreira. O encontro foi divulgado na página do MPA nas redes sociais. A iniciativa, aparentemente, teve como objetivo dar visibilidade ao público de ex-LGBTs, mostrando que diferentemente da gestão atual do Conselho Federal de Psicologia, tais pessoas são reconhecidas como detentoras de direitos.

O Movimento de Psicólogos em Ação concorre nas eleições desse ano para o Conselho Federal de Psicologia, que será realizada entre os dias 23 e 27 desse mês. O número da chapa do MPA é o 24 para nível Federal e pode ser votado por todos os psicólogos do país que estejam devidamente regularizados.

Movimento de Psicólogos em Ação durante encontro com Damares Alves
Representantes do Movimento de Psicólogos em Ação durante encontro com a ministra Damares Alves

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Blogs e colunas
Últimas notícias
Mais lidas