Bolsonaro

Bolsonaro publica vídeo com vítima de explosão durante o regime militar

O vídeo publicado pelo presidente Bolsonaro mostra um ex-jogador que teve a sua perna amputada após uma explosão atribuída ao grupo Ação Popular, em Recife

05/08/2019 12h38
Por: Will R. Filho

O presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, publicou no domingo (04) um vídeo onde aparece visitando o "Paraiba", ou "Canhão do Arruda", como era mais conhecido o ex-jogador do clube de futebol Santa Cruz, em Recife, Pernambuco. O encontro, todavia, ocorreu em 2017, pouco antes do ex-atleta falecer.

A gravação teve como intenção, aparentemente, fornecer evidências de que o pai do presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Felipe Santa Cruz, integrou um grupo de esquerda chamado "Ação Popular Marxista Leninista", apontado como responsável por práticas de terrorismo na época do regime militar.

O Paraíba teria sido uma das vítimas do grupo. Segundo Bolsonaro, ele "teve sua perna arrancada após terroristas da Ação Popular explodirem bomba em Recife. O Sr. Sebastião, craque do 'Santinha', faleceu em 2017, eu estive com seus familiares em sua partida", escreveu o presidente em suas redes sociais.

Assista o vídeo abaixo:

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Blogs e colunas
Últimas notícias
Mais lidas