Ex-feminista

"Eu venci todas as mentiras da esquerda", diz a ex-feminista Sara Winter

"Eu venci a síndrome pós aborto, eu venci todo tipo de preconceito, eu venci a pobreza, eu venci a solidão"

30/07/2019 08h47
Por: Will R. Filho

Sara Winter, ou Sara Giromini, como é chamada atualmente, é uma figura bastante conhecida entre os ativistas políticos da esquerda e agora, também, da direita. Isso porque ela foi a responsável por implantar no Brasil uma célula do grupo "Femen", originado na Ucrânia, o qual é conhecido no mundo pela ação de feministas com os seios de fora.

Sara, porém, se "converteu" da esquerda para a direita e desde então passou à lutar pelas causas pró-vida. Escreveu um livro chamado “Vadia, Não! Sete Vezes que fui Traída pelo Feminismo“ e teve um filho que mudou radicalmente a sua concepção sobre maternidade.

Já fizemos uma matéria detalhada sobre a história de Sara Giromini com o título "Quem é a ex-feminista candidata no RJ que está ameaçando o feminismo no Brasil", poucos dias após o lançamento do 1° Congresso Antifeminista do Brasil, no ano passado, organizado por Sara em parceria com outros ativistas pró-vida.

Sara Giromini: "Eu venci todas as mentiras da esquerda"

Esta semana Sara Winter (Giromini) fez uma publicação em suas redes sociais destacando a sua evolução de vida. "Mãe, me graduando em Relações Internacionais, mestrado já encaminhado e PAGO, trilíngue, conferencista internacional e agora coordenadora nacional de atenção integral à gestante e à maternidade", publicou a ex-feminista.

Ela destacou vários contextos de superação pelos quais passou, entre eles o abuso sexual, a prostituição e a depressão, como forma de incentivar outras mulheres a não desistirem de lutar.

"Eu venci as ruas! Eu venci a prostituição! Eu venci o abuso sexual! Eu venci a depressão, a automatização e os pensamentos suicidas, eu venci todas as mentiras da esquerda, eu venci a síndrome pós aborto, eu venci todo tipo de preconceito, eu venci a pobreza, eu venci a solidão, eu venci todas as dificuldades que se colocaram em meu caminho", escreveu Sara.

"Eu não venci na vida ainda, mas sigo vencendo cada pedra em meu caminho e eu não admito que você que esteja lendo isso comigo, não pegue em minha mão e caminhe comigo. Vamos vencer essa vida juntos! Lembre-se, essa vida não foi feita pra dar certo ou ser feliz, ela foi feita para salvarmos almas! Mesmo assim, nada nos impede de dar-nos o nosso melhor e esmagar a tristeza, o desânimo, a preguiça e a inveja", continuou.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Blogs e colunas
Últimas notícias
Mais lidas