Polícia Federal

PF faz nova apreensão de quase 1 tonelada de droga em falso ônibus escolar

No acumulado do ano já são 25,3 toneladas de drogas apreendidas no país, e isso apenas de cocaína

23/07/2019 21h28
Por: Opinião Crítica
Fonte: Com informações: Diário de Pernambuco

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu hoje (23) 936,8 quilos (kg) de maconha em Alto Paraíso (PR), em frente à Unidade Operacional Porto Camargo na BR-487. A droga estava escondida em compartimentos ocultos de um falso ônibus escolar.

Os agentes da PRF também encontraram no veículo 14,6 kg de skunk, droga que é derivada da Cannabis sativa, mas tem uma concentração do princípio ativo THC até sete vezes maior do que a maconha.

O motorista, de 31 anos, foi preso em flagrante, e disse aos policiais que pegou o ônibus em Naviraí (MS) e que pretendia levá-lo até Maringá (PR), cidade no noroeste do estado. Ele deve responder pelo crime de tráfico de drogas, que tem pena prevista de cinco a 15 anos de prisão.

A PRF encaminhou a ocorrência para a Delegacia da Polícia Civil em Xambrê.

Apreensão histórica

Só nos primeiros quatro meses do ano o número de apreensão de drogas teve um aumento de quase 600% no estado do Rio de Janeiro, região vital como ponto de distribuição de entorpecentes em todo o Brasil.

No acumulado do ano (semestre), a Receita Federal já apreendeu incríveis 25,3 TONELADAS de cocaína em portos, aeroportos e demais locais de fiscalização do órgão federal aduaneiro em todo o país, segundo o G1.

Esse número confirma o ritmo de disparada na apreensão da cocaína no Brasil e representa um aumento de 158% na comparação com o mesmo de período de 2017, enquanto na comparação com o primeiro semestre de 2018, a alta verificada é de 92%.

Esses dados não são mera ocasionalidade, pois são muito discrepantes se comparados aos anos anteriores. Se trata mesmo de uma nova política de combate ao tráfico de drogas, neste caso, comandada pelo atual ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Blogs e colunas
Últimas notícias
Mais lidas