Fanatismo

“Demônios pediram sacrifício”, diz mãe que matou o próprio filho de 8 anos

A declaração da mãe sobre o pedido de "sacrifício" será apurada pelas autoridades competentes

30/06/2019 23h28
Por: Will R. Filho
A declaração da mãe sobre o pedido de
A declaração da mãe sobre o pedido de "sacrifício" será apurada pelas autoridades competentes

Um menino de 8 anos que vivia com a sua mãe em Dallas, no Texas, Estados Unidos, foi morto por ela mesma. Segundo a imprensa local, foi a própria mãe que chamou a polícia dizendo que seu filho, identificado como Jeovani Antonio Delapene, estava morto.

Quando as autoridades chegaram na casa da mulher chamada Tisha, a mãe do menino, a criança já foi encontrada morta. O corpo do garoto estava sobre a cama. Os investigadores acreditam que o menino foi assassinado por sufocamento. A mãe da criança também foi encontrada desacordada no momento em que os policiais entraram na casa, mas ela estava viva.

Parentes relataram à polícia, momentos antes do crime, que Tisha havia dito que "demônios" queriam que ela sacrificasse o menino. “Demônios pediram o sacrifício”, teria dito a mulher, segundo informações do AmPost.

A família de Jeovani fez uma vaquinha virtual para arrecadar dinheiro para fazer o funeral do menino, visto que se trata de uma família humilde.

"Joevani tinha um espírito positivo e brincalhão. A natureza carinhosa tocou incontáveis vidas e trouxe muitas, muitas amizades. Ele tinha um sorriso contagiante e um coração ainda maior. Pedimos qualquer doação para o seu funeral", diz a descrição do financiamento voluntário.

Tisha foi levada para a delegacia e depois transferida para uma prisão feminina, de onde aguardará a conclusão do seu julgamento. Ela responderá pelo crime de infanticídio e também por resistir à prisão.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Blogs e colunas
Últimas notícias
Mais lidas