Repercussão

Depoimento de Moro: internet leva a hashtag "DesMOROnou" ao 1ª lugar do Twitter

"Eu confiava nele, passava extrato de informações", afirmou Bolsonaro em reação à hashtag #desMOROnou

05/05/2020 21h05
Por: Opinião Crítica
Reprodução: Google/montagem
Reprodução: Google/montagem

A divulgação do depoimento do ex-ministro da Justiça, Sérgio Moro, não parece ter sido uma boa ideia da sua defesa, que chegou a pedir ao Supremo Tribunal Federal a publicação das dez páginas que sintetizaram às mais de oito horas de esclarecimentos prestados pelo ex-juiz.

À avaliação de aliados do governo e até de desafetos é de que o depoimento de Moro não foi tudo o que se esperava em termos de consistência e robustez de provas contra o presidente Jair Bolsonaro.

Nas oito horas de depoimento, Moro apenas reiterou o que já havia dito durante a coletiva prestada no dia 24 de abril, mas de forma muito mais branda. Segundo a CNN Brasil, o ex-ministro negou ter acusado Bolsonaro de crime, sugerindo que se referiu apenas a um tipo de interferência política.

O ex-ministro também alegou que por causa de ter o seu celular invadido por hackers em 2019, teria perdido - ou excluído - boa parte do conteúdo do seu celular, a fim de preservar a sua intimidade de novos roubos de mensagens. Tal declaração, no entanto, soou também como uma tentativa de se justificar diante da falta de elementos concretos contra o presidente.

Ao comentar o conteúdo do depoimento, Bolsonaro declarou: "O Sergio Moro foi correndo entregar o telefone para o William Bonner, para a Globo. Como sempre, ele entrega coisas para a Globo. Inclusive, ele tinha peças de relatórios pessoais de coisas que eu passava para ele. É um crime federal", afirmou. "Eu confiava nele, passava extrato de informações."

Reação no Twitter

Como resultado da divulgação do depoimento de Sérgio Moro, apoiadores do presidente levantaram a hashtag #DesMOROnou em referência à aparente fragilidade do material apresentado pelo ex-ministro, algo que teria sido confirmado por investigadores, ao dizer que o ex-ministro não apresentou nenhuma "bala de prata" contra Bolsonaro durante seu depoimento.

No Twitter, a reação dos internautas elevou a hashtag em referência ao ex-ministro ao primeiro lugar das mais citadas no Brasil. "Moro #desMOROnou sua 'biogragia!", escreveu o deputado estadual Anderson Moraes. "Não apresentou nenhuma prova, não acusou o PR de ter cometido crime e deixou claro que nunca houve interferência dele na PF!", destacou.

Hashtag #desMOROnou vai parar no topo do twitter após depoimento de Moro
Hashtag #desMOROnou vai parar no topo do twitter após divulgação do depoimento de Moro