Concordância

Até Freixo concorda com Bolsonaro: "A crise econômica também vai matar muita gente"

Freixo disse que a crise econômica será "muito mais prolongada do que a crise da saúde".

26/03/2020 08h43Atualizado há 2 semanas
Por: Will R. Filho
Reprodução: Google
Reprodução: Google

O deputado federal pelo Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) do Rio de Janeiro, Marcelo Freixo, participou de uma reunião com parlamentares e o governador Wilson Witzel para tratar da pandemia do novo coronavírus, onde além das medidas de saúde e assistência social, falou também sobre a preocupação com a economia.

"Tem uma coisa que diz respeito à crise econômica, que certamente será muito mais prolongada do que a crise da saúde", disse Freixo na reunião, enfatizando em seguida: "A crise econômica vai durar um tempo muito maior do que a crise na saúde".

Na sequencia, Freixo reconhece que os impactos na economia em decorrência do coronavírus serão tão graves quanto os da saúde em si: "A crise da saúde vai matar muita gente, mas a crise econômica também vai matar muita gente... também vai matar muita gente. É possível que a gente tenha gente morrendo de fome, além da gripe".

No contexto da sua declaração dada no último dia 20, Freixo falou no sentido de oferecer assistência aos mais pobres, o que terminou fazendo com que o deputado expressasse a mesma preocupação que vem sendo exposta há dias pelo presidente Jair Bolsonaro, concordando com o presidente ao reconhecer a gravidade dos impactos econômicos da pandemia.

“Se o Brasil parar vai ser o caos. Vai morrer muito mais gente fruto de uma economia que não anda do que do próprio coronavírus", afirmou Bolsonaro sobre a pandemia, segundo a Valor. “Porque se for para a histeria, ficar todo mundo maluco, as consequências serão as piores possíveis”.

Em seu canal no YouTube, Freixo publicou o vídeo da sua fala e comentou na legenda: "Esse é o momento de deixar as diferenças política de lado em defesa da vida dos brasileiros". Ainda assim, a concordância aparentemente não intencional de Freixo com Bolsonaro não exclui as críticas que o deputado tem feito ao presidente nos últimos dias. Assista abaixo:

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Blogs e colunas
Últimas notícias
Bloco responsivo Opinião Critica - 300x250- posição 03
Mais lidas