Coronavírus

Marinha, Exército e Aeronáutica se preparam para agir contra o Covid-19 no Brasil

O Ministério da Defesa informa ainda que as Forças Armadas “permanecerão em condições de disponibilizar recursos operacionais e logísticos quando se fizerem necessários para apoiar as ações”.

21/03/2020 19h28
Por: Opinião Crítica
Fonte: Blog do Vicente / Correio Braziliense
Reprodução: Google
Reprodução: Google

Ciente de que o sistema de saúde tradicional não será suficiente para atender o grande número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus, as Forças Armadas já estudam a possibilidade de recorrer aos hospitais de campanha para dar suporte no combate à Covid-19.

Esses hospitais foram concebidos para emprego em operações militares e operações humanitárias, possuindo, portanto, baixa capacidade de leitos, “devendo ser adaptados às condições da presente pandemia”.

O ministério afirma que, “devido à possibilidade de elevada demanda e da limitada disponibilidade e capacidade desses meios, o apoio dos hospitais de campanha será avaliado com especial cuidado”.

“Além disso, Marinha, Exército e Aeronáutica poderão apoiar as triagens de pessoas com suspeita de infecção para encaminhamento a hospitais”, acrescenta.

Segundo o ministério , foi ativado, na última sexta-feira (20/03), o Centro de Operações Conjuntas para atuar na coordenação e planejamento do emprego das Forças Armadas no combate à Covid-19. Também foram ativados 10 Comandos Conjuntos, que cobrem todo o território nacional, além do Comando Aeroespacial (Comae), de funcionamento permanente.

O Ministério da Defesa informa ainda que as Forças Armadas “permanecerão em condições de disponibilizar recursos operacionais e logísticos quando se fizerem necessários para apoiar as ações”. Acrescenta que os militares poderão ser empregados no apoio às ações federais, no controle de passageiros e tripulantes nos aeroportos, portos e terminais marítimos, e no controle de acesso das fronteiras.

Unidades militares especializadas em Defesa Química, Biológica, Radiológica e Nuclear (DQBRN) poderão ser empregadas para descontaminação de pessoal, ambientes e materiais. Com informações: Blog do Vicente

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Blogs e colunas
Últimas notícias
Mais lidas


Banner rodapé Ad 2