Projeto

Feliciano propõe reduzir 50% dos salários dos políticos para combater o Covid-19

O deputado já protocolou um projeto de lei que determina a redução de 50% dos salários de todos os parlamentares.

21/03/2020 11h56
Por: Will R. Filho
Reprodução: Google
Reprodução: Google

A luta contra a pandemia do novo coronavírus é um desafio não apenas para os cientistas que buscam uma vacina contra o vírus, mas também para o poder público, o qual precisa destinar dinheiro para essa finalidade, além de reforçar inúmeras medidas de saúde.

Pensando nisso, alguns parlamentares estão propondo projetos de lei que visam reduzir os custos dos gastos públicos ou mesmo destinar valores, por exemplo, como os R$ bilhões do fundo eleitoral, para o combate ao coronavírus. Um desses políticos é o pastor e deputado federal Marco Feliciano.

O deputado já protocolou um projeto de lei que determina a redução de 50% dos salários de todos os parlamentares durante os próximos seis meses, período em que o país deverá estar focado na luta contra o Covi-19.

"Em solidariedade ao povo brasileiro e como forma de bom exemplo, protocolarei projeto de lei para reduzir pela metade os salários de deputados e senadores durante os próximos 6 meses", afirmou Feliciano em suas redes sociais. A proposta ainda inclui o destino de 100% do "fundão eleitoral" para a Saúde.

Entretanto, o projeto depende da aprovação do Congresso Nacional, ou eja, da Câmara dos Deputados e Senado Federal. A expectativa é que, se aprovado, a economia gerada pela proposta seja de R$ 60 milhões.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Blogs e colunas
Últimas notícias
Mais lidas


Banner rodapé Ad 2