Carnaval

Não desperdice sua vida no carnaval

O carnaval é a festa da degradação moral e da redução humana. Uma celebração a morte!

Política e Sociedade

Política e SociedadeAnálises sobre o cenário da política e assuntos de interesse público. Por: Heuring Motta - Teólogo e professor, especializado em Hermenêutica, Ciências Políticas e Logoterapia pela Universidade Católica de Salvador. É também colunista do Instituto John Owen. Casado e pai de uma filha.

15/01/2020 12h11Atualizado há 2 meses
Por: Heuring Motta
Cação Nova
Cação Nova

Carnaval, carnaval...eu fico triste quando chega o carnaval... (Luiz Melodia).

A letra da musica do compositor Luiz Melodia revela a superficialidade da alegria, das relações humanas neste período. Sua lembrança da mulher que amava estava ligada ao terceiro dia de folia, quando ela morreu. É bem o retrato do que promove o carnaval: ilusão. A morte expõe a miragem febril da alegria do carnaval.

No Rio de Janeiro o carnaval é patrocinado pelo governo do Estado, bicheiros, traficantes e Globo. Vai para o Rio? Corre o perigo de fazer parte da trágica estatística de ser assaltado de alguma forma ou provável retorno com um paletó de madeira.

Em Salvador o carnaval é patrocinado pela prefeitura, Estado, e iniciativa privada ( turma do axé que tem o monopólio). O carnaval baiano se tornou Parada Gay Mundial, uma depravação a céu aberto, sexo explícito e uso de drogas nos corredores de Ondina e nos blocos arrastados pelos famosos trios elétricos governados pela turminha do dengo.

Aqui [na Bahia] você vai ser assaltado e provavelmente pode pegar alguma doença sexualmente transmissível (DST) - ou alguns vírus como: conjuntivite, meningite. Claro, você não terá estas informações na mídia brasileira. Qualquer ideia negativa sobre o carnaval não é boa para os negócios

Os altos números de pessoas infectadas vem crescendo no Brasil e ganham força no período de carnaval. Segundo pesquisa realizada, são 112 mil brasileiros que ainda não sabem que estão infectados com o vírus HIV; 260 mil que sabem e que ainda não buscaram tratamento, isto em 2017.

De 2017 para 2018 (ainda não existem os números de 2019), segundo dados do Boletim Epidemiológico de Sífilis 2018 (divulgado pelo Ministério da Saúde) revelam que o aumento de detecção de sífilis passou de 14,4 casos em 2012 para 58,1 em 2017 por 100 mil habitantes.

Desde de 2010 até 2018 foram registrados 479.730 casos da doença. A infecção por casos de Aids também subiram nos últimos anos de 2007 para 2018 foram registrados 247.795 mil casos de infecção. Fontes: Estadão, G1 e Ministério da Saúde.

Uma ideia excelente é não ir para carnaval! Por que? Vai te poupar de ouvir a turma do #elenão; de pegar estradas neste período onde os bêbados circulam pelas rodovias causando acidentes; vai te dar a oportunidade de ficar mais com a família e alguns amigos; vai ter tempo de ler bons livros; pegar um cineminha mais tranquilo, sem filas e ir para lugares que estão distantes da rota do carnaval.

Se você for um cristão uma excelente oportunidade de ir 22ª Consciência Cristã que acontece em Campina Grande na Paraíba, neste período de carnaval. Fica o conselho para quem pensa ir para o carnaval: Não desperdice a sua vida!

Sempre é bom relembrar a segunda estrofe da musica Felicidade de Tom Jobim:

 A Felicidade - Tom Jobim

''A Felicidade do pobre parece

A grande ilusão do carnaval

A gente trabalha o ano inteiro

Por um momento de sonho

Pra faze a fantasia

De rei ou de pirata ou jardineira

E tudo se acabar na quarta-feira.''

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Blogs e colunas
Últimas notícias
Mais lidas


Banner rodapé Ad 2