Estranho

Integralistas negam ataque à Porta dos Fundos: "Não possuímos qualquer relação"

"O uso de máscaras para tais fins é, com efeito, uma atitude anti-integralista", diz o grupo

26/12/2019 15h24
Por: Will R. Filho
Frente Integralista nega autoria do atentado à Porta dos Fundos. Reprodução: Google
Frente Integralista nega autoria do atentado à Porta dos Fundos. Reprodução: Google

A Frente Integralista Brasileira (FIB) se manifestou nesta quarta-feira (25), após ser acusada de assumir um ataque realizado à sede da produtora do grupo Porta dos Fundos. Os membros da FIB negaram o envolvimento na ação criminosa, alegando que "o grupo em questão é desconhecido". 

"Não possuímos com ele qualquer relação", disse em nota a FIB, se referindo ao grupo responsável pelo ataque. Em um vídeo divulgado no Youtube supostos integrantes da Frente Integralistas aparecem assumindo a autoria do ataque;

"A justiça burguesa, covarde e corrupta, vendida para o grande capita, luta contra o povo, mas quando a Revolução Integralista vier, todos estarão condenados ao justiçamento revolucionário", dizem na gravação.

A Frente Integralista Brasileira explicou que o manifesto integralista elaborado por Plínio Salgado proíbe o uso de máscaras durante os atos de militância, além de restringir suas ações ao campo ideológico, dando a entender que atos de agressão/criminosos também não são permitidos.

"O uso de máscaras para tais fins é, com efeito, uma atitude anti-integralista. Aliás, nosso Manifesto-base, o Manifesto de Outubro, de Plínio Salgado, assim afirma: 'A nossa campanha é cultural, moral, educacional, social, às claras, em campo raso, de peito aberto, de cabeça erguida", completa a nota.

"'Quem se bate por princípios não precisa combinar cousa alguma nas trevas. Quem marcha em nome das ideias nítidas, definidas, não precisa de máscaras'", completou.

Os membros da FIB ressaltaram que o vídeo do ataque pode ter sido produzido com a intenção de atacar o grupo, visando incriminá-los. O fato é que uma vez negada a autoria do atentado, resta à polícia descobrir os verdadeiros responsáveis pelo crime, visto se tratar de algo no mínimo estranho.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.