Atila defende o fechamento interno de igrejas, academias e restaurantes

O biólogo-youtuber Atila Iamarino fez mais uma publicação polêmica sobre a pandemia do novo coronavírus, ao comentar o suposto aumento de casos de pessoas infectadas com o Covid-19.

A nova postagem surgiu depois que ele também menosprezou a prescrição de vermífugos para o tratamento precoce da doença, dizendo que “o melhor vermífugo no tratamento contra COVID até aqui parece ser o voto”.

Dessa vez, o youtuber criticou o que seria a falta de critério no atendimento aos pacientes hospitalares, assim como na oferta de serviços públicos e particulares, como os oferecidos por comerciantes e líderes religiosos.

“Conversando com um pesquisador da medicina USP, descobri outro problema desse aumento de casos. Não vão poder retomar a maior parte da clínica geral que continua parada. Se médicos tão atendendo o Fulano que pegou COVID no bar ou na festa, não podem atender o Beltrano com câncer”, disse ele.

“Com todo respeito por comerciantes, estamos muito mal de prioridade. O que deveria abrir são escolas, universidade de medicina (fechando de novo), e não bar, parte interna de restaurante, academia e igreja. Crianças têm período crítico pra aprender e precisamos de profissionais”, conclui Atila. Veja também:

“2021 vai ser pior que 2020”, diz Atila Iamarino ao fazer previsão da pandemia