A Teoria da Evolução está errada, defende um dos maiores cientistas do Brasil

Dr. Marcos Eberlin foi o primeiro cientista sul-americano a receber a Medalha Thomson. Reprodução: Google

Em fevereiro desse ano, aqui mesmo no Opinião Crítica, foi publicada uma matéria divulgando um documento assinado por nada menos do que 1000 cientistas de várias partes do mundo, contestando a Teoria da Evolução.

São autoridades em diversos campos do conhecimento, como biologia, química, física, filosofia, medicina, astronomia e outras. Um desses cientistas é o Dr. Marcos Eberlin, que é brasileiro, considerado um dos químicos mais respeitados não só do Brasil, como do mundo.



Eberlin é professor do Instituto de Química da Universidade Estadual de Campinas. É membro da Academia Brasileira de Ciências e recebeu a Ordem Nacional do Mérito Científico em 2005. Em 2016, Eberlin recebeu a Medalha Thomson, se tornando o primeiro cientista sul-americano a receber a premiação, criada pela Fundação Internacional de Espectrometria de Massa (IMSF, na sigla em inglês).

"A honraria é considerada uma das mais importantes da área, tendo sido concedida a nomes mundialmente reconhecidos como John Bennett Fenn, ganhador do Nobel de Química de 2002; Graham Cooks e Michael Karas, docentes da Purdue University; e Fred Warren McLafferty, da Universidade de Frankfurt", informou a Unicamp.

Finalmente, Eberlin concedeu uma entrevista que, pela natureza do tema, foi em um programa religioso, mas cujo conteúdo foi centrado 100% nos postulados científicos, tendo como objetivo explicar como a ciência corrobora com a fé, especialmente com a Teoria do Design Inteligente (TDI).



O leitor interessado no assunto poderá assistir a entrevista e entender como a TDI, diferente do que muitos imaginam (por falta de conhecimento), está assentada em constatações lógicas, empíricas e destituídas de qualquer viés religioso.

Sem mais, assista a entrevista completa abaixo:



COMPARTILHAR

Edição:

Somos uma mídia independente, oferecendo conteúdo com perspectiva cristã através de comentários sobre notícias do Brasil e do mundo.