"FemiTaxi", serviço de transporte voltado para mulheres, ganha espaço no mercado

Femitaxi é exclusivo para mulheres

Criado originalmente em São Paulo e já funcionando também em Campinas, Rio de Janeiro e algumas outras cidades, o Femitaxi, um serviço de transporte exclusivo para mulheres, tem conquistado cada vez mais mercado.

Basicamente, a ideia visa eliminar a sensação de insegurança que muitas mulheres sentem ao utilizar transportes por aplicativo, com motoristas homens. Assim, o projeto oferece apenas motoristas mulheres.



"Criamos o FemiTaxi para mulheres que querem ir de um lugar para outro de dia ou de noite sem passar por constrangimentos com motoristas indelicados", diz a empresa. "Uma parte dos motoristas indelicados sempre dão aquela "olhadinha" pelo espelho retrovisor, com o Femitaxi, isso não existe mais".

O aplicativo é semelhante aos que já existem no mercado, como UBER e 99, tendo a versão passageiro e motorista.

“Apareceram muitas motoristas, elas superaram muito as minhas expectativas”, diz uma das investidoras que atua no estado de Goiás, segundo o Mais Goiás. "Já tenho 247 motoristas cadastradas, 150 delas prontas para trabalhar. Ontem (2) eu tinha cerca de 90”.



Muita calma nessa hora


Estatisticamente o índice de assédio e criminalidade é maior quando se trata do sexo masculino. Ao requisitar o transporte com uma profissional mulher, portanto, isso reduz a chance de algo do tipo acontecer.

No entanto, a índole criminosa não escolhe sexo, e neste caso a sensação de maior segurança pode servir de armadilha pra a prática do crime. Portanto, ainda assim é importante manter a vigilância e não oferecer muita liberdade.



Por outro lado, empresas como a UBER, que aceitam homens e mulheres como profissionais, estão desenvolvendo mecanismos cada vez mais rígidos de segurança, não só para os motoristas, como para os passageiros, tornando mais difícil a incidência de crimes ou episódios constrangedores em seus quadros.

Em todo caso, comercialmente falando, o empreendimento FemiTaxi faz parte do jogo de concorrência e sem dúvida representa um avanço, se constituindo uma boa alternativa para o público feminino.

COMPARTILHAR

Edição:

Somos uma mídia independente, oferecendo conteúdo com perspectiva cristã através de comentários sobre notícias do Brasil e do mundo.