Esposa de Haddad recebe "boquinha" de fundação sem fins lucrativos ligada ao MEC, diz jornalista

Denúncia de jornalistas aponta repasses para Ana Estela Haddad de fundação sem fins lucrativos. Reprodução: Google

O jornalista Claudio Humberto denunciou que a Mulher do ex-candidato do PT a presidente, Ana Estela Haddad, desfruta de uma "boquinha a quase 3 mil quilômetros de distância em uma fundação credenciada pelo Ministério da Educação no Maranhão".

Em sua coluna para o jornal Folha de Londrina, o jornalista diz que só em 2018, Ana Estela recebeu mais de R$32 mil da Fundação Josué Montello, "parceira do governo Flávio Dino (PCdoB)", informa.


A fonte de Humberto é o jornalista Filipe Mota, que em seu blog publicou com exclusividade a denúncia, informando até uma planilha onde consta o pagamento mensal de R$ 6 mil para o CPF *.257.668-.**.

"Uma investigação ainda preliminar realizada por este Blog, mostrou que Ana Estela Haddad recebe benefício mensal da ordem de R$ 6.000,00 (Seis Mil Reais), pela Fundação Josué Montello, que é uma instituição com ligação à UFMA, conforme mostra a planilha", informa Filipe.


A Fundação Josué Montello é uma entidade privada e sem fins lucrativos. Humberto disse ter tentado entrar em contato para obter alguma posição de Ana Estela, mas que não obteve sucesso, assim como do governo do Maranhão, que é do PCdoB, e também não teve resultado.

"A fundação Josué Montello também foi indagada sobre o assunto, mas se recusou a explicar o vínculo com Ana Estela Haddad. A Josué Montello já se enrolou com o Ministério Público no passado. As contas de 2004 a 2008 foram rejeitadas pelo Tribunal de Contas", conclui Humberto.

COMPARTILHAR

Edição:

Somos uma mídia independente, oferecendo conteúdo com perspectiva cristã através de comentários sobre notícias do Brasil e do mundo.