Meninos e meninas têm preferências diferentes sobre a organização da comida no prato, diz estudo

De acordo com um novo estudo, crianças têm preferências diferentes sobre como a comida é servida, com base no sexo e na idade.


O objetivo da pesquisa do Future Consumer Lab foi investigar se as crianças preferem a comida servida de maneira particular e se o sexo e a idade delas fazem diferença em relação às suas preferências.



“Como pesquisadora, ouvi dizer que os pais preferem que sua comida seja servida de maneira particular, inclusive em uma ordem específica. Mas não temos muito conhecimento baseado em evidências sobre como às crianças escolhem e comem seus alimentos, o que é muito relevante quando, por exemplo, queremos que nossos filhos comam mais vegetais - ou comam em geral”, diz a Professora Associada Annemarie Olsen, do Future Consumer Lab, no Departamento de Ciência dos Alimentos da Universidade de Copenhague.

Além de ajudar os pais, a pesquisa pode ser usada para otimizar programas de refeições em escolas e também dos alimentos que são entregues aos alunos por fornecedores externos.

Grandes ganhos com pouco esforço


Nós já sabemos que você pode fazer às crianças comerem mais frutas e vegetais apenas dando em pequenas porções, deixando disponíveis espontaneamente, para que elas possam pegar facilmente e comê-los. Sabemos também que a apresentação visual afeta o quanto as crianças comem.



"Ao mesmo tempo, seria bom saber se há grandes ganhos a serem obtidos apenas organizando a comida de uma determinada maneira", disse Annemarie Olsen.

Os pesquisadores pediram a 100 crianças em idade escolar, entre 7-8 e 12-14 anos, para fazer uma lista prioritária de fotos de seis pratos diferentes servidos de três maneiras diferentes:

01 - Com os elementos da comida apresentados separadamente para que eles não se toquem

02 - Como uma mistura de ingredientes e ingredientes separados que foram misturados

03 - Com toda a comida misturada

A partir da priorização das crianças com base nas fotos exibidas, os pesquisadores puderam ver qual apresentação da comida que mais gostavam e qual o estilo que menos gostavam. O estudo mostra que as meninas mais jovens (7-8 anos) preferem o estilo de apresentação separado, enquanto os meninos da mesma idade não têm preferência sobre como o alimento é organizado.



A pesquisa também mostra que crianças entre 12 e 14 anos preferem que os alimentos sejam misturados ou servidos como uma mistura de ingredientes separados e misturados.

Apresentação separada é a melhor opção


A pesquisa não diz por que as meninas mais jovens preferem ter sua comida servida com ingredientes separados.

"Uma sugestão pode ser que elas acreditem que os diferentes ingredientes podem contaminar um ao outro. Mas também pode ser que elas prefiram comer os diferentes elementos em uma determinada ordem ou que o delineamento claro apenas forneça uma visão geral melhor”, diz Annemarie Olsen, que, com base na pesquisa, aconselha servir a comida separada no prato - pelo menos quando se trata de grupos etários mais jovens.

"A criança pode misturar a comida quando os vários elementos da comida são separados no prato, enquanto o contrário não é possível", diz ela.


Por: Lene Hundborg Koss

COMPARTILHAR

Edição:

Somos uma mídia independente, oferecendo conteúdo com perspectiva cristã através de comentários sobre notícias do Brasil e do mundo. Para apoiar, compartilhe nossos textos e curta a página no Facebook.