O casamento na Bíblia é como uma família a bordo de um carro - Entenda


O casamento é um carro, o marido é o piloto, a esposa é a co-pilota e os filhos, os passageiros. A designação dos assentos no casamento não é intercambiável perante Deus. 


O marido SEMPRE será o piloto e a esposa SEMPRE será a co-pilota. Ele pode ser um péssimo motorista, mas é motorista.


Ele é responsável pelo destino da família e a segurança dela. Ela pode ser uma péssima co-pilota, mas é co-pilota. Ela é responsável por proporcionar o ambiente necessário para esta viagem e auxiliar o marido a dirigir (mantendo ele acordado, colocando música, abrindo a Coca-Cola pra ele, puxando a orelha dele se ele estiver indo depressa demais).

Nem sempre o marido está dirigindo. Às vezes, a esposa se esticou e agarrou o volante, seja porque o marido não quis dirigir por preguiça ou covardia, ou porque a esposa achou que ela conseguiria dirigir melhor do que ele.

E nem sempre a esposa está co-pilotando. Às vezes ela está tão concentrada em criticar a direção do marido que não ouve o choro das crianças no banco de trás ou não se importa que marido está precisando descansar. Ou às vezes ela teve que dirigir porque o marido se recusa.

Há apenas uma forma deste carro viajar seguramente, e isso é quando, pela Graça, tanto o marido como a esposa reconhecem seu assento designado e se concentram em executar seu papel com alegria, servidão e amor para que todos cheguem bem ao destino final: Jesus Cristo.


COMPARTILHAR

Edição:

Somos uma mídia independente, oferecendo conteúdo com perspectiva cristã através de comentários sobre notícias do Brasil e do mundo. Para apoiar, compartilhe nossos textos e curta a página no Facebook.

Anterior
Proxima