Nota de Apoio ao Juiz Sérgio Moro Contradiz Dilma - Qual é a Justiça do Governo?


A então Presidente Dilma, disse durante a tentativa de posse de Lula na Casa Civil e outros, que "acredita na justiça", nos magistrados e juízes do Brasil, mesmo após fazer uma série de ataques a Operação Lava Jato, obviamente, ao Juiz Sérgio Moro. Como se não bastasse tamanha contradição e exposição ao ridículo da petista, a associação de juízes federais poucas horas depois publica uma nota de apoio a Moro e a independência da Lava Jato. Mas, opa! Afinal de contas, em qual justiça Dilma acredita? 


Pois é amigos, o governo está igual barata tonta, ou melhor, JARARACA, depois de levar pauladas na CABEÇA. Não sabe a quem recorrer, porque está vendo seu aparelhamento desmoronando e com ele seu poder de influência. Veja abaixo a nota oficial dos juízes federais com destaque do Opinião Crítica:

Pela Independência Judicial

Nós, juízes federais aqui reunidos, juntamente com todos os juízes federais brasileiros que se encontram neste momento perante as sedes da Justiça Federal, manifestamos nosso total apoio à independência judicial do juiz federal Sérgio Moro e de todos os magistrados federais que atuam nos processos da Operação Lava Jato.

A construção de uma sociedade livre, justa e solidária exige um Poder Judiciário forte e independente. Isso somente será possível se for assegurada aos juízes a liberdade para decidir conforme seus entendimentos, devidamente fundamentados no ordenamento jurídico.

Os juízes federais do Brasil reafirmam a sua independência e renovam o compromisso assumido quando da posse no cargo: manter, defender e cumprir a Constituição Federal e as leis do País.

Estamos vigilantes e atentos a tentativas temerárias de ingerência nas decisões judiciais por outros meios que não os estabelecidos na ordem jurídica e rechaçamos com veemência qualquer ameaça dirigida a membros do Poder Judiciário. O sistema judicial prevê o modo como as decisões dos juízes podem ser impugnadas e modificadas.

A Justiça Federal brasileira, da qual fazemos parte, ao lado do juiz federal Sérgio Moro, tem uma história centenária pautada pela defesa dos direitos dos cidadãos e da ordem democrática, com observância aos princípios fundamentais.

Temos consciência que o Judiciário está em constante aperfeiçoamento. Jamais aceitaremos qualquer retrocesso, especialmente por intermédio de intimidações, para atender determinadas situações especiais.

Uma Justiça independente e sem temores é direito de todo cidadão brasileiro e a essência do Estado Democrático de Direito, motivo pelo qual estamos ao lado do juiz federal Sérgio Moro e de todos os demais juízes, desembargadores e ministros que atuam nos processos da Operação Lava Jato.

COMPARTILHAR

Edição:

Somos uma mídia independente, oferecendo conteúdo com perspectiva cristã através de comentários sobre notícias do Brasil e do mundo. Para apoiar, compartilhe nossos textos e curta a página no Facebook.

Anterior
Proxima