Coleção de Pensamentos - Parte 05

 
Cuidado, atenção, o valor que é doado, gratuitamente, pelo desejo de querer bem, é igual o vestir de uma roupa a quem sempre aprendeu a fazer tudo sozinho(a). Isso porque o cuidar não se trata da suficiência ou deficiência do outro, mas do quanto você deseja demonstrar valor a ele. Em um mundo acostumado a se "despir" de humanidade para o que se espera de "paraísos artificiais", precisamos nos "vestir" mais de cuidado, seja começando por uma história de vida ou uma peça de roupa.

___________________________________________

Como conciliar a vontade de construir uma história de vida, sem "se perder" na experiência do presente? Como saber construir na experiência do presente, as raízes do que te fará possuir uma história? A essa história, não me refiro a sequência aleatória de acontecimentos por acontecimentos, sem "sentido", uma falta sustentada pela ilusão poética do "carpe diem" moderno. Me refiro, sim, a tudo o que lhe dá valor e você pode dizer que são marcas gravadas não na sua pele, como tatuagens inventadas pelas mãos de um artista, mas na tua alma, no seu coração, sua essência. Reflexão difícil para uma geração de "metamorfoses ambulantes". De uma coisa eu sei: pode ser mais simples do que parece.

___________________________________________

 
Se o que te faz feliz não transcender a presença ou a ausência, sua felicidade será sempre um objeto em trânsito, jamais seu, apenas "no" outro! Compreender isso e traduzir em sua vida não é ser autossuficiente na relação, com o outro, mas suficiente no que lhe constitui como pessoa única, para que a relação não se converta em dependência, mas sim uma soma constante de personalidades que caminham em sintonia!

___________________________________________

 
Converter em saudade a presença inalcançável, embora presente, é querer permanecer regado pela expectativa do encontro. Aqui entendo o motivo da saudade ser a musa dos poetas, porque é na perpetuidade da esperança onde reside a inspiração!

___________________________________________

 
É tão raro encontrar sentido nas ações do outro que identifique nelas o que é sentido para você, ao ponto de que quando isso é real, a tendência é pensar de que tudo não passa de uma imagem projetada. Como distinguir a ilusão da realidade? Compartilhando tudo o que parece mais fútil nesse mundo, porém mais significativo além dele, para você... E o outro!

___________________________________________

 
A questão não é o seu desejo de ser feliz, mas o quanto você está disposto(a) a assumir um compromisso com as verdades que te conduzem a essa felicidade. Reconheça as tuas verdades e sem abrir não delas assuma as consequências de ser verdadeiro. Acredite, embora no percurso da vida isso possa te causar muitos conflitos, nenhum deles será maior do que a experiência de ser feliz!

___________________________________________

 
Amor idealizado que não se encontra com o real, permanece inalcançável, distante e irreconhecível. Sobrevive da ilusão e sempre que confrontado, se perde no poder da experiência. O amor, pois, que se desenha na realidade, muito embora parta das fantasias, acha uma imensidão de sentidos na simplicidade dos sorrisos, olhares, defeitos e virtudes. Esse amor pode não residir na "perfeição" do imaginário, mas certamente mantém a felicidade num par de corações imperfeitos!

___________________________________________

 
Servir o outro, no mais simples dos gestos, é um dos mais profundos atos de carinho, doação e cuidado. Fazer isso é mostrar ao outro o quanto ele é merecedor da sua atenção, igual a você e, por isso, muito valioso.  

 ___________________________________________


As vezes é preciso aprender a se desvencilhar dos conflitos que te aprisionam, limitam sua visão e objetivos de vida como um todo, fazendo com que toda sua dimensão psicológica/emocional gire em torno deles. Focar mais no que te acrescenta, motiva e inspira, pode ser a solução mais inteligente quando os conflitos se repetem. Isso, porque, alguns só se repetem, devido ao excesso de atenção que você dá a eles. Rompa com o seu formato! 

___________________________________________

 
Na resolução de alguns conflitos, três coisas são fundamentais: a vontade, a paciência e o tempo. A vontade é o que te impulsiona a agir em prol do que sente e acredita, construir metas; a paciência é o que te faz aguardar os frutos da ação e dos acontecimentos, enquanto o tempo é o que permite com que tudo "se cruze" e a vida lhe apresente as suas possibilidades! É fácil ter vontades, difícil e sábio é aprender aguardar com paciência o tempo necessário para que as coisas aconteçam!

___________________________________________

 
Ser verdadeiro consigo mesmo e externar isso na maneira de agir, nem sempre é a opção mais "confortável" de lidar com certas situações, embora tal verdade produza resultados coerentes que certamente lhe deixarão mais feliz por saber viver com autenticidade. Quem reconhece isso e é inteligente para preferir a verdade ao invés da falsidade (comum), certamente vai lidar com muitos desafios, mas ao final sempre irá se orgulhar por não ter se deixado seduzir pelas "conveniências" de uma vida hipócrita!

___________________________________________

 
É no céu repleto de escuridão, enquanto o vento sopra no rosto a imensidão de sentimentos vazados por entre as grades de uma janela, quando os pensamentos viajam até o local da saudade. Ela que me reduz pela ausência, embora depositem na esperança a presença, isso que os sonhos insistem me dizer que é real!

___________________________________________

 
Nada substitui a presença, mas não o corpo presente, e sim àquilo que te rouba os sentidos e faz parecer que os sonhos se realizam entre vírgulas, rascunhos e asteriscos. Antes a companhia da "solidão" do que a presença do que se faz ausência!

___________________________________________

 
Há sempre um horizonte após outro horizonte. Todavia, para quem se limita a um ponto fixo, o horizonte será sempre uma linha reta igualmente fixa cuja paisagem será sempre a mesma.

___________________________________________

 
Quanto mais fazemos da vida um invólucro de expectativas, menos capacidade de adaptação e superação existe em nós. Significa que não devemos estabelecer padrões e metas? Não, pelo contrário, devemos e precisamos. O que não podemos é nos tornar reféns deles, como se não houvesse em nós potencialidade para mudar sempre que necessário.  

___________________________________________


Não se deixe levar pela ansiedade. Ela te inclina a perceber e agir de forma equivocada. Há coisas que "só" o tempo e a experiência podem tornar claro o que parece confuso. É nesse momento que a maturidade e o foco em seus objetivos farão toda diferença!

___________________________________________

 
Nunca aceite nada menos daquilo que te atinge a alma, faz sentir tuas verdades mais íntimas e traduzem teu sorriso em gestos de carinho. É fácil se resumir ao momento, feliz é quem se constitui pela esperança de uma realidade que se perpetua à cada olhar! 

COMPARTILHAR

Edição:

Somos uma mídia independente, oferecendo conteúdo com perspectiva cristã através de comentários sobre notícias do Brasil e do mundo. Para apoiar, compartilhe nossos textos e curta a página no Facebook.

Anterior
Proxima